sábado, 26 de março de 2011

Dormindo fora de casa

Julia ficou dois dias na casa da avó. Estávamos precisando dedetizar (detesto essa palavra, nunca pronuncio corretamente) a casa e ela foi pra lá na quinta (dia da dedetização) e ficou a sexta e o sábado, enquanto era feita a mega faxina pós veneno. Ficou com a avó, as tias e o primo. Mamãe e papai ficaram em casa.

Apesar da pouca idade, ela já é uma veterana em dormir fora de casa. Quando estava com 1 ano e 2 meses, tia Naná e tia Kika levaram a Julia para a Prainha. Foram numa sexta e voltaram no sábado. Ela simplesmente amou o passeio, não chorou, não perguntou nem pela mamãe e nem pelo papai, simplesmente curtiu tudo. Eu fiquei arrasada de saudades, nunca tinha me separado dela. Assim que saíram daqui comecei a chorar e, à noite, Claudio e eu saímos pra curtir um pouco (coisa que não fazíamos desde o nascimento dela) e o único assunto que conseguíamos conversar era sobre a Julia!

Em outras duas ocasiões, precisamos deixá-la na casa da avó por umas horas mas acho que ela só dormiu lá em uma dessas  oportunidades. Dessa vez, ela chegou lá na quinta de manhã cedinho. Não deu o menor trabalho para ficar. Dormiu bem a noite e é porque dormiu sozinha no quarto do Artur (aqui em casa ela dorme na nossa cama). No dia seguinte à tarde, eu fui pegá-la pra ficar com ela na casa da mamãe porque minhas cunhadas e minha sogra tinham compromissos e não poderiam ficar com ela. Quando saí da casa da mamãe para levá-la de volta pra minha sogra, ela soltou: "mamãe, eu vou dormir na casa da vovoinha, né? Mamãe não vai, papai não vai, só a Julia, né?"

E ficou lá muito satisfeita novamente. Eu fico feliz que ela seja assim independente e segura. Fico feliz que não é agarrada na "barra da minha saia" apesar de termos uma ligação muito profunda. Eu também era assim, desde cedo dormia na casa de primas e amigas. Lembro que umas primas minhas não dormiam de jeito nenhum lá em casa quando crianças porque começavam a chorar. Eu achava uma besteira....... Mas hoje sei que não é. Cada criança tem seu tempo e se ela não se sentir muito segura pra dormir fora de casa isso não deve ser forçado.


Depois de passar o sábado inteiro na casa da avó, fui buscá-la para irmos a um chá de panela.. Lá ela tinha a companhia de outras crianças e brincou muito. Na hora de ir embora, já cansada de tanto correr e pular e eu achando que ela estava com saudades do pai que não via desde quinta-feira, ela me falou: "mamãe, eu quero dormir na casa da vovoinha." É  de arrasar coração de mãe! Mas eu fico é orgulhosa.

No site da revistas Crescer encontrei um artigo sobre o assunto que diz o seguinte:

A vontade da criança dormir fora de casa varia conforme a idade e o temperamento, e até se ela tem ou não irmãos. Um dos sinais de que você pode arriscar ocorre quando ela manifesta o desejo de fazer atividades independentes, sem os pais por perto, como brincar na casa de amiguinhos. Se ela ficou sem chorar, talvez possa dar passos mais ousados. Geralmente, a primeira casa diferente em que elas dormem na boa é na dos avós. Mas é importante saber se a criança gosta de ficar com eles.


Depois dessa etapa, pode ser que ela já consiga passar a noite na casa de colegas. "A criança pede para sair. Esse é o sinal de que o momento chegou", diz a psicóloga Maria Rita D’Angelo Seixas. Finalmente, se ela gosta do campo e se adapta com facilidade a novas pessoas e situações, está preparada para o passo maior: uma temporada de férias no acampamento. Combine para que um conhecido vá junto. A companhia amiga dá mais segurança.

A etapa de dormir na casa da avó foi fácil. Difícil eu acho que vai ser a etapa de dormir na casa das amigas. Não tanto para ela, que certamente dará os sinais de que está pronta, mas para mim. Na casa da avó eu sei como é a rotina familiar, sei que a avó é cuidadosa ao extremo com ela (mais que eu) e sei do amor incondicional que ela dá e recebe. Na casa de amigas, sei que vou ficar com o coração apertadíssimo. Sei que vou ter que me controlar para não ligar de hora em hora e sei também que vou precisar conhecer bem os pais antes desse passo importante, afinal não vou deixar meu tesouro na mão de estranhos, né?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nenhum comentário: