quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

Inflacionando o mercado!

Semana passada, uma noite já bem tarde, as duas princesas ainda acordadas e eu ocupada escaldando mamadeira e fazendo infusão de eucalipto e alfavaca pra elas (as duas estavam gripadas). Elas estavam na sala, Julia vendo tv e Alice no carrinho, choramingando vez por outra. Minha cabeça quase estourando (não gosto de deixar bebê chorando mas não podia ficar com ela enquanto mexia em água fervente) e aí tive a brilhante idéia: "Julia, cuida da Alice, não deixa ela chorar que eu te dou 1 real"

Julia ficou distraindo a irmã que ficou caladinha, bem "cuidada" enquanto eu terminava com as panelas na cozinha sem pirar! No dia seguinte, a primeira coisa que a Julia fez foi cobrar o dinheiro dela, muito justo! 

Aí no domingo à noite, fui trocar os lençóis do berço da Alice e a coloquei na cama da Julia (com grade) e a Julia, que estava no quarto, rapidamente se prontificou a ficar com a irmã. As duas ficaram na cama, Alice quietinha, brincando com a Julia.

Quando terminei, peguei a Alice para dar os remédios do refluxo e tirar a fralda para dar um banho e enquanto fazia isso a Julia solta:

- Mãe, agora tu me dá 10 reais porque a Alice ficou bem quietinha e não chorou!!!!!

Sabe arrependimento? Pois é, minha filha é muito mais esperta do que eu pensava! 

Em tempo: eu não dei os 10 reais, aliás, não dei nem 1 real. Expliquei pra ela que essas coisas tinham que ser combinadas previamente.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

Mãe sem prestígio

Ontem assim que terminamos de almoçar, me sentei numa poltrona da sala pra dar um leitinho pra Alice. Claudio começou a tirar a mesa e a Julia estava doida pra brincar com ele:

- Pai, vamos brincar!

- Vamos sim, Julia, deixa só eu terminar de tirar a mesa.

- Não precisa, pai. Deixa aí que a mamãe tira depois.

Aos 5 anos de idade, a paixão da vida dela é o pai. A parte chata a mãe faz (tipo acordar de madrugada se ela tem pesadelo - ela nunca chama o pai!). Ô mãe sem prestígio essa....
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

terça-feira, 7 de janeiro de 2014

Argumentos...

Julia me pediu biscoito para lanchar. Eu coloquei numa cumbuquinha para ela comer e avisei que estava na mesa, porque ela estava distraída vendo filme. 

Acontece que eu me distraí trabalhando e nem vi que ela esqueceu de comer o biscoito. Depois de umas duas horas, ela percebeu que o biscoito ainda estava esperando por ela na mesa. Tomou um susto e, com medo de levar um carão, soltou: "ainda bem que eu não comi logo o biscoito porque ele ficou mole. Biscoito mole é muito bom, é gostoso, não faz nenhum barulho pra incomodar os vizinhos..."

Eu posso com esses argumentos?
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...